Vendas da indústria de máquinas e equipamentos caem 4,4% em agosto

Vendas da indústria de máquinas e equipamentos caem 4,4% em agosto

As vendas da indústria brasileira de máquinas e equipamentos em agosto somaram R$ 28,02 bilhões, com declínio de 4,4% em arrolamento ao mesmo mês do ano pretérito. Em confrontação a julho, no entanto, houve distinção de 18,2%. No amontoado do ano, de janeiro a agosto, as vendas totalizaram R$ 194,09 bilhões, 8,5% aquém do registrado no mesmo temporada de 2022. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (27) pela Reunião Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).   

O setor vendeu ao exterior, no mês de agosto, US$ 1,46 bilhão em equipamentos, montante 16,3% eminente ao registrado no mesmo mês de 2022. Em arrolamento a julho, as exportações foram 25,2% antepassados. No amontoado do ano, de janeiro a agosto, as vendas ao exterior somaram US$ 9,3 bilhões, 18,1% supra do registrado no mesmo temporada do ano pretérito. 

“Os dados registraram crescimento na receita líquida de vendas em relação ao mês de julho, anulando parte da queda acumulado no ano. Em relação ao mesmo mês do ano anterior a queda ainda prevalece em razão da fraqueza nas atividades do mercado doméstico. As exportações, mesmo com a desaceleração no mercado global e valorização do real frente ao dólar, registraram expansão”, destacou a entidade, em nota.

As importações totalizaram US$ 2,57 bilhões em agosto, 12,4% eminente ao registrado em julho, e 10,9% eminente em arrolamento ao mesmo mês do ano anterior. No amontoado do ano (janeiro a agosto), as compras do exterior chegaram a US$ 18,17 bilhões, 13,8% supra do registrado no mesmo temporada de 2022.  

[ad_1]

Com informações daAgência Brasil

[ad_2]