Jogo é lazer e diversão, não meio de enriquecer, diz José Manssur — Ministério da Fazenda

O Gestor

Updated on:

Jogo é lazer e diversão, não meio de enriquecer, diz José Manssur — Ministério da Fazenda

José Francisco Manssur-3.jpg

José Francisco Manssur, adjutor peculiar do Ministério da Fazenda, participou nesta terça-feira (12/9) de associação da Percentagem do Esporte na Assembleia dos Deputados com foco na novidade regulamentação das apostas esportivas no futebol. O abalroamento tratou ainda de aspectos que justificam a valimento da regularização do setor, uma vez que isenção tributária, bulha à manipulação de resultados, acrescentamento do mercado e esporte uma vez que política de graciosidade.

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.

Manssur observou que as apostas esportivas não são uno tarefa básico, e logo é rectificado receber para investir em áreas prioritárias uma vez que saúde, graciosidade, higienização essencial e estabilidade jurídica. “Estamos abertos a discutir com o parlamento as eventuais adequações que as próprias empresas operadoras pleiteiam para que o processo fique viável, mas de forma que o governo não perca com a arrecadação”, disse Manssur. “É uma questão de justiça tributária. Se segmentos da economia como a produção de alimentos, de insumos e de saúde são tributados, não é justo que o segmento das apostas, que movimenta R$ 100 bilhões, R$ 150 bilhões por ano fique isento como esteve nos últimos cinco anos”, ponderou.  

Já a estima da manipulação de resultados, Manssur esclareceu que o administração editou uma MP, apresentou uno PL e organizou uno quadrilha interministerial com participação de instituições da junta social uma vez que Maneira dos Advogados do Brasil (OAB), Federação Brasileira de Futebol (CBF), Comitê Olímpico Brasiliano (COB) e outras entidades interessadas em lutar e conceber regras claras a respeito de a manipulação. Para ele, a manipulação de resultados é uma das crises mais graves que o esporte brasílico já enfrentou, porque faixa sua credibilidade. O adjutor igualmente destacou a mendicidade de uniforme o secção e a influência de conscientizar a junta a respeito de as apostas.

“Queremos transmitir para a sociedade brasileira que jogo não é meio de enriquecer, jogo é um lazer, uma diversão”, afirmou. “Não pense que você vai ganhar dinheiro com aposta. Nossa mensagem institucional ao colocar limites na regulamentação e na publicidade é conscientizar para o jogo responsável”, afirmou.   

Outro ponto aludido foi a valimento do esporte uma vez que instrumento de graciosidade. De entendimento com Manssur, o esporte é a melhor política de graciosidade e de estabilidade pública, já que coloca a párvulo e o juvenil na sociabilidade. “Você forma um atleta olímpico, mas ao mesmo tempo deu sociabilidade, convivência, nos critérios de saúde, de educação, de afastar as crianças das situações de insegurança. Para formar um atleta, você modificou a vida de 400 crianças”, concluiu.

Link da objecto

O que você achou?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

0 0 votes
Article Rating
Se inscreva
Notificação de
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Iremos adorar sua opinião, comente.x